Olhe sua vida com uma perspectiva empreendedora

de

A maioria das pessoas segue um padrão já estabelecido e por isso mesmo acredita que fatores externos limitarão suas escolhas. Não foram capazes de questionar o mundo a elas apresentado. Escolhem ser plateia e não protagonistas, aceitam viver uma vida de expectativas reduzidas. Simplesmente aceitam as coisas como elas são e acreditam que não têm nada a fazer quanto a isso. Quando não elevamos nossa consciência e ampliamos nossa visão, estamos fadados a fazer somente escolhas que estão de acordo com as informações a que tivemos acesso até então. Dentro do que nos é familiar.

Temos a tendência natural de mergulharmos na rotina e nos acostumamos com ela, mas desta forma, negligenciamos nossos sonhos e vamos perdendo a capacidade de sonhar. Assim, fica fácil viver uma vida sem direção, insatisfeitos e na ilusão de que um dia tudo poderá mudar, se mais uma vez um fator externo tiver influência sobre nossas vidas. Ah, como é muito mais fácil assistir de camarote esse espetáculo! Mas será que essa é realmente a melhor opção ou será que é mesmo a SUA única opção? Se não houver ações claras e direcionadas da sua parte, não se iluda, tudo vai continuar exatamente como está .

O autor Augusto Cury diz que: ser ator principal do palco da vida não significa não falhar, não chorar, deixar de tropeçar ou ter reações de insegurança. Ser ator principal significa construir caminhos, refazer caminhos, reconhecer erros e acertos e aprender com eles. Ou seja, entrar em AÇÃO! Precisamos subir no palco para sermos os protagonistas da nossa própria história.

como-mudar-de-vida.4

Isso se assemelha muito com a atitude que um empreendedor tem (ou deveria ter). E o meu convite é que você seja empreendedor de sua vida e de seus sonhos. Se você buscar o significado de empreender vai encontrar: conseguir ou tentar fazer (algo muito difícil), colocar em desenvolvimento e/ou execução, realizar. E empreender a nós mesmos, nossa vida e nossos sonhos realmente não é tão fácil assim e nem uma obra do acaso, mas é perfeitamente possível. Requer gestos conscientes, muita disciplina, determinação, autoconhecimento e busca contínua por se desenvolver.  Exige ousadia e muitas vezes deixar o medo de lado para correr alguns riscos, sempre calculados é claro. Em momentos de dúvidas lembre-se sempre: você empreende sua própria vida e pode criar quem você quer ser e onde você quer estar. E melhor, fazendo escolhas mais conscientes!

Você está pronto para começar? Então responda primeiro a estas perguntas:

  1. Por que você está aqui e qual é o seu propósito?
  2. Qual o seu maior(es) sonho(s)?
  3. Quais são os seus valores?
  4. O que faz sentido e é realmente importante para você?
  5. Como você vai estar daqui a cinco anos? Isso lhe agrada?
  6. Quem você seria e como estaria sua vida se não houvesse nenhum obstáculo no seu caminho?

Nenhuma dessas questões são fáceis de responder, farão você refletir muito e demandará tempo. Responda cada uma com riqueza de detalhes e seja o mais honesto possível. Essas respostas lhe trarão clareza para direcionar sua vida de uma forma muito mais assertiva daqui pra frente.

Afinal, a questão não é como você chegou até aqui, mas o que fará de diferente a partir desta segunda-feira!

Gostou dessa matéria? Espero que sim. Já estou curiosa pra saber os insights poderosos que você terá a partir dessas reflexões. Compartilhe comigo. Estou com você nessa jornada!

Um forte abraço e até o nosso próximo encontro.

Ainda não há comentários.

O que você acha?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *