MADONNA – A feminista má!

de

Muitos de vocês devem ter acompanhado que Madonna foi eleita a Mulher do Ano pelo evento Billboard Woman in Music 2016 e fez um discurso sobre preconceito e sua resistência nesses 34 anos de carreira.

O discurso da cantora pop ascendeu em mim uma chama de luta. É a voz interna e externa clamando. A voz da mulher que coloca a si mesma como sua principal companheira e aliada.

A união das mulheres, a troca, o incentivo, os ensinamentos, os momentos de risadas de doer a barriga e o rosto. Mulheres apoiando-se mutuamente. Uma irmandade que gera fortalecimento de nossas forças femininas e reconhecimentos das nossas fraquezas.

madonna-speech-onstage-billboard-wim-2016-billboard-1548

Madonna ao falar de sua história de vida (e apesar de ser uma estrela pop internacional), carrega um pouco de cada uma de nós. Temos muitas vezes nossa vida criativa encerrada a partir do momento que nos colocamos em segundo plano. Ela nos chama a voltar a ficar em primeiro plano, a voltar a nos reunir com nossas irmãs mulheres. Salienta que mulheres fortes causam medo e mal estar até mesmo entre as mulheres. E clama: se alie a mulheres fortes para se fortalecer. Ela falou de Deus, o agradeceu, mostrou toda sua humildade ao se demonstrar vulnerável e afirmar que não há nada seguro na vida.

Quantas mulheres ao nosso redor negam seus EUs em prol de uma vida segura? Reclamou das feministas moralistas e pronunciou claramente: “sejam o que desejam ser”, e nas entrelinhas: sigam seus corações, vistam-se como quiserem – assumam sua sensualidade, já que é da natureza feminina ser sexy.

Minha luta é pela apropriação das mulheres de sua própria vida, da sua vida criativa. Madonna, eterna rainha, dá recomendações que só uma mente livre, criativa, sensível e espontânea poderia nos presentear.

Confira o discurso na íntegra:

http://portalpopline.com.br/billboard-finalmente-libera-discurso-de-madonna-no-women-in-music-na-integra-assista/

Ela foi ao evento vestida com um terninho Gucci e nas costas vinha a palavra grega Euterpe, que significa “Deusa da Música que leva alegria”.

madonna

Linda, hein?

É hora de repensar nossas atitudes e nos inspirar em pensamentos livres como este, concordam?

 

3 Responses
  • Adriana kuehn
    fevereiro 3, 2017

    Fran tinha assistido o vídeo e concordo com tudo que você enfatizou ! Realmente a Madona arrasou ?

    • Franciane Dal Pizzol
      fevereiro 7, 2017

      Ela é demais! Obrigada pelos comentários. Continue seguindo o blog que logo tem mais ?

  • Hosting
    abril 15, 2017

    E como a gente ta cada vez mais discutindo cada vez mais inclusao,genero e feminismo entao ta na hora de trazermos essas ideias livres de usar como quiser como usar lame de dia por exemplo. E por falar neles sao aposta fortes principalmente metalizados como prata e dourado,babados de todos os tamanhos,ombreiras tambem voltam,blocos de cores,lacos,calcas baggys e paetes.

O que você acha?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *